29 de jun de 2009

Deus se Importa com o Nosso Corpo - Parte 3 - Transtornos Alimentares

29/06/2009
Por: Vanessa Lopes


Quando me olho no espelho, não consigo aceitar o que vejo.

Por que sou assim?

Por que a minha imagem me incomoda tanto?

Já sei... preciso emagrecer!




Algumas pessoas, se preocupam com a beleza exterior de tal forma, que a busca por um corpo perfeito acaba se tornando uma obsessão, levando muitos a desenvolverem sérios transtornos alimentares que são doenças de ordem emocional onde o paciente atinge um quadro de emagrecimento excessivo ou obesidade.

Essas doenças são desencadeadas por vários fatores, como a baixa auto-estima, a influência da mídia que todos os dias tenta nos fazer acreditar que a melhor pessoa é aquela que está dentro dos padrões de beleza e quem não se adequar está fora, não será notado. Outras pessoas desenvolvem esses transtornos ainda na fase escolar, quando a criança não consegue se sentir aceito pelo grupo porque os colegas de classe zombam da sua aparência física.

Muitas doenças iniciam exatamente com uma dieta aparentemente inofensiva e tomam proporções cada vez maiores, chegando ao ponto em que a pessoa não consegue mais pensar em outra coisa que não seja emagrecer.


Uma dessas doenças é a anorexia, que é causada por uma disfunção alimentar onde a pessoa não se alimenta regularmente.É caracterizada por baixo peso corporal, onde o doente tem um medo inexplicável de ganhar peso e ficar obeso, sempre acha que não emagreceu o suficiente. Envolve componentes psicológicos, fisiológicos e sociais. Além das dietas, o anorético também jejua, usa laxante, induz o vômito, toma diurético e faz exercícios físicos intensos.

O processo começa com uma dieta inocente para perder alguns quilinhos e termina com a recusa em alimentar-se. Quanto mais se insiste para que a pessoa se alimente, mais ela se isola do convívio social e esconde o corpo esquelético debaixo de roupas largas para disfarçar.

As modelos são as principais vítimas dessa doença, pois fazem qualquer sacrifício para se manter dentro dos padrões exigidos pelas agências.

Na maioria dos casos, a pessoa morre por inanição, suicídio ou desequilíbrio dos componentes sanguíneos.


No caso da bulimia, a pessoa possui uma necessidade de comer compulsivamente e depois se sente culpada e utiliza seus próprios métodos para eliminar tudo o que comeu. O vômito é a forma mais utilizada por essas pessoas, mas também fazem uso de diuréticos, laxantes e exercícios físicos em excesso. Essas pessoas também sofrem com medo da obesidade.


No sentido contrário da anorexia e da bulimia, encontramos os comedores compulsivos, que são pessoas ansiosas, deprimidas, solitárias e com baixa auto-estima que desejam a comida incontrolavelmente como forma de substituição afetiva inconsciente, relacionando a comida com o prazer, comendo até a exaustão e nunca ficam satisfeitos.

Quando param de comer, eles choram e se sentem culpados por ter comido tanto, mas diferente dos bulímicos, os comedores compulsivos não provocam a eliminação do que foi ingerido.

Essas pessoas desenvolvem várias doenças por causa dos exc

essos na alimentação, como a obesidade, hipertensão, colesterol alto e diabetes.


Existe ainda a síndrome do comer noturno, que são aquelas pessoas que atacam a geladeira durante a madrugada. Essas pessoas não se

alimentam bem durante o dia e compensam isso à noite, quando não tem ninguém olhando. Eles também sentem culpa quando param de comer.


O padrão de beleza faz com que todos os seus seguidores se tornem pessoas iguais, saídas da mesma fôrma, com o mesmo tipo físico, o mesmo tipo de cabelo o mesmo modo de se vestir. E onde fica a beleza individual de cada um?


Deus nos criou a sua imagem e semelhança, e viu que isso era bom.

Deus fez cada pessoa com suas características próprias, com um brilho próprio e precisamos nos aceitar. Essa também é uma forma de aceitar a vontade de Deus.


E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.

Romanos 12:2


Não é que não tenhamos que cuidar da nossa aparência, isso é muito bom e saudável quando feito normalmente, quando isso não afeta as nossas vidas de modo que nos tornamos escravos dos tratamentos de beleza, quando não faz a pessoa se sentir angustiada pelo que vê refletido no espelho, fazendo da busca pelo seu ideal de beleza o principal objetivo de vida.


A carne não pode ser mais valorizada do que o espírito

Como Salomão escreveu no livro de Eclesiastes: tudo isso é vaidade!

Vaidade é uma busca intensa por aquilo que é vão. Temos que colocar o nosso foco naquilo que realmente é importante e mais valioso do que a aparência física (carne), que é a nossa beleza interior (espírito).


Digo, porém: Andai em Espírito, e não cumprireis a concupiscência da carne.

Gálatas 5:16


Não podemos permitir que a nossa vaidade cresça a ponto de afetar a saúde do nosso corpo, não podemos esquecer que ele é o templo do Espírito Santo de Deus.

Acaso, não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo, que está em vós, o qual tendes da parte de Deus, e que não sois de vós mesmos?

I Corintios 6:19


Em tudo deve haver um equilíbrio, até na nossa alimentação.

A bíblia nos orienta que devemos ter cuidado com a glutonaria, que é Excesso na comida e na bebida.


invejas, bebedices, glutonarias e coisas semelhantes a estas, a respeito das quais eu vos declaro, como já, outrora, vos preveni, que não herdarão o reino de Deus os que tais coisas praticam.

Gálatas 15:16


Também devemos cuidar do nosso equilíbrio emocional, pois esse é o desencadeador principal de todos os tipos de transtornos alimentares.


Guardai-vos, para não suceder que os vossos corações fiquem pesados com o excesso no comer e no beber e com os cuidados desta vida, e que aquele dia venha sobre vós de repente como um laço;

Lucas 21:34


Jovem, não se torne escravo de um padrão de beleza criado pelos homens, aprenda a se amar do jeito que você é, pois Deus fez cada pessoa para ser única, com suas próprias características.

Quem realmente te ama, com certeza te aceitará da maneira que você é.

Será que não está faltando você se amar um pouco mais?

Pense nisso e viva uma vida melhor, crie hábitos saudáveis e seja feliz consigo mesmo(a) e com o Senhor.

A bíblia diz que quando estamos alegres, nos tornamos mais bonitos:


O coração alegre aformoseia o rosto, mas pela dor do coração o espírito se abate.

Provérbios 15:13


Então permita que a alegria que vem do Senhor modifique a sua vida e a sua maneira de se ver.


Desvia os meus olhos de contemplarem a vaidade, e vivifica-me no teu caminho.

Salmos 119:37

26 de jun de 2009

Complexo de Barbie


Se eu me olhar no espelho vou perceber rapidamente que não sou a boneca Barbie. Não tenho cabelos de Barbie nem olhos de Barbie, muito menos o corpo da Barbie. Também não tenho intenção de posar nua para uma revista masculina, nem acredito que as músicas que tratam a mulher como mero objeto sexual têm a ver comigo.

Infelizmente, o corpo da mulher se tornou algo banal, uma mercadoria barata. O valor da mulher está no seu corpo, mais precisamente nos seus seios e nádegas. Ai daquelas que estão com uns quilinhos a mais! O padrão de beleza atual tem levado muitas jovens a enfrentar o quadro de doenças como bulimia e anorexia. E ai daquelas que têm os cabelos encaracolados!

Querer se arrumar, ir ao cabeleireiro, comprar uma roupa nova e até mesmo praticar esportes ou fazer exercícios físicos não é o problema. O problema é querer ser Barbie; é pensar que um corpo esculpido é garantia de felicidade, e esquecer que o coração é que precisa ser esculpido e os neurônios sarados. A Bíblia mesmo fala que a alegria produz a beleza do rosto: "O coração alegre aformoseia o rosto; mas pela dor do coração o espírito se abate" (Pv 15.13).

É difícil manter uma auto-estima elevada num mundo que valoriza um corpo de Barbie. Difícil não perder horas se castigando em frente ao espelho por não ter conseguido alcançar o objetivo de só comer alface todo dia até atingir um corpo de modelo.

Mas o que nós, mulheres cristãs, temos a ver com isso? Que respostas práticas daremos ao problema da banalização do corpo da mulher? Iremos nos conformar, ou melhor, nos apropriar do modelo de mulher que nos é imposto? É possível resistir? De que maneira, toda essa preocupação com a beleza atrapalha a nossa inserção no mundo, na sociedade?

Se você tem a oportunidade de conviver com mulheres bonitas, se prestar atenção irá perceber que essas Barbies da vida fumam, bebem, se drogam, ficam doentes e muitas não são amadas como gostariam. Mesmo tendo um corpo escultural não conseguem encontrar um grande amor.

Em vez de tentarmos ser Barbies, devemos ficar com a sabedoria do livro de Provérbios e buscarmos a virtude, porque "enganosa é a graça, e vã é a formosura; mas a mulher que teme ao Senhor, essa será louvada" (Pv 31.30).

Fonte: Revista Uniao Feminina Batista

24 de jun de 2009

Versículo para medidação

Tu, Senhor, conservarás em perfeita paz aquele cujo propósito é firme; porque ele confia em ti.

Confiai no Senhor perpetuamente, porque o Senhor Deus é uma rocha eterna;

Isaías 26:3-4

22 de jun de 2009

Andressa – Exemplo de Vida.

Após assistir esse vídeo, espero que você possar ter a vida dessa menina como exemplo.

Nós precisamos buscar a Deus e pregar a sua palavra enquanto há tempo.

19 de jun de 2009

NÁUFRAGO


Um certo homem saiu em uma viagem de avião. Era um homem temente a Deus, e sabia que o Senhor o protegia.
Durante a viagem, quando sobrevoavam o mar, um dos motores falhou e o piloto teve de fazer um pouso forçado no oceano. Quase todos morreram, mas o homem conseguiu agarrar-se a alguma coisa que o conservasse em cima da água. Ficou boiando à deriva durante muito tempo até que chegou a uma ilha não habitada.

Ao chegar à praia, cansado, porém vivo, agradeceu ao Senhor por este livramento maravilhoso da morte. Ele conseguiu se alimentar de peixes e ervas. Conseguiu derrubar algumas árvores e com muito esforço construiu uma casinha para ele. Não era bem uma casa, mas um abrigo tosco, com paus e folhas. Porém significava proteção. Ele ficou todo satisfeito e mais uma vez agradeceu ao Senhor, porque agora podia dormir sem medo dos animais selvagens que talvez pudessem existir na ilha.

Um dia, ele estava pescando e quando terminou, havia apanhado muitos peixes. Assim, com comida abundante, estava satisfeito com o resultado da pesca. Porém, ao voltar-se na direção de sua casa, qual não foi sua decepção,ao ver sua casa toda incendiada.
Ele se sentou em uma pedra chorando e dizendo em prantos:
-Senhor! Como é que foi deixar acontecer isto comigo? O Senhor sabe que eu preciso muito desta casa e o Senhor deixou queimar todinha. O Senhor não tem compaixão de mim? Eu sempre faço minhas orações diárias.
E assim permaneceu o homem durante algumas horas, envolvido em sua revolta e dor.

Passado algum tempo, uma mão pousou no seu ombro e ele ouviu uma voz dizendo:

-Que bom encontrá-lo... você está bem?
Ele se virou para ver quem estava falando com ele, e qual não foi sua surpresa quando viu em sua frente um marinheiro acompanhado de uma equipe: -Vamos rapaz, nós viemos te buscar...

-Mas como é possível? Como souberam que eu estava aqui?

-Ora, amigo! Vimos os seus sinais de fumaça pedindo socorro.
O capitão ordenou que o navio parasse e nos mandou vir lhe buscar naquele barco ali adiante. O grupo entrou no barco e o homem foi para o navio que o levaria em segurança de volta para os seus familiares tão queridos.


A propósito, como anda a sua fé?

17 de jun de 2009

Kaká: Exemplo de Amor pela palavra de Deus.

Dono de uma trajetória fulgurante no futebol, o jogador do
Real Madri e da Seleção Brasileira, Ricardo Izecson dos Santos Leite, o popular Kaká, de 26 anos, tem servido de exemplo para grande parte dos cristãos no país. Em contato com a bíblia desde pequenino, ele reverencia os ensinamentos sagrados por todas suas conquistas dos últimos anos. Em agradecimento a Deus pelo sucesso na carreira, o craque chegou até a doar o troféu de melhor jogador do mundo, conquistado em 2007, para a igreja que frequenta. Nos períodos em que fica longe da família, devido a compromissos profissionais, o Livro Sagrado é seu companheiro inseparável. "Sempre estou lendo e meditando na palavra de Deus", afirma o craque.
Na entrevista a seguir, concedida com exclusividade a ABNB, Kaká dá seu testemunho de fé, ressalta a importância da bíblia em sua vida e cogita até pregar a Palavra de Deus no futuro.


ABNB: Quando e como foi seu primeiro contato com a Bíblia?
Kaká: Tenho contato com a Bíblia desde que nasci, meus pais sempre me contavam histórias da bíblia e sempre me educaram com os valores bíblicos.

ABNB: Com que frequência você lê a bíblia? E qual tradução bíblica você mais gosta de ler?
Kaká: Leio a Bíblia sempre que posso. Levo a Bíblia em todas as minhas concentrações e viagens com o time do Real Madri. Sempre que posso estou lendo, estudando e meditando na Palavra de Deus. Gosto da tradução de Almeida Revista e Atualizada.

ABNB: Costuma orar ou ler a bíblia antes de entrar em campo?
Kaká: Leio na concentração antes de ir para o jogo. Isso me dá paz de espírito para entrar em campo e jogar bem.

ABNB: Qual passagem bíblica você mais gosta?
Kaká: Não tenho nenhuma passagem ou versículo preferido, pois em cada momento da minha vida há uma passagem, um versículo, um livro que Deus usa para ministrar, ensinar, exortar a minha vida e os meus caminhos.

ABNB: Qual é a importância da Bíblia e de Deus em sua vida pessoal e profissional?
Kaká: Deus é a minha vida. Já não vivo eu, mas Cristo vive em mim. E, para isso, preciso cada vez mais entender aquela que é a Palavra de Deus, a Bíblia.

ABNB: Como você agradece a Deus suas conquistas?
Kaká: Agradeço consagrando a Ele tudo que Ele tem me dado.

ABNB: Quando parar de jogar futebol, você pretende algum dia atuar como pastor, pregando a Palavra de Deus?
Kaká: Não sei ainda o que vou fazer quando parar de jogar futebol. Amo a Bíblia e quero sempre aprender mais. Gosto de compartilhar com os outros o que Deus tem feito na minha vida. E se for da vontade de Deus que eu me torne pastor, assim será.

ABNB: De que maneira você prega a Palavra de Deus para outras pessoas no seu âmbito familiar, de trabalho e convívio social?
Kaká: Evangelizo principalmente testemunhando, através das minhas atitudes e comportamento. E, claro, sempre que tenho oportunidade, com a palavra.


Fonte: Revista A Bíblia no Brasil
Nº 223 - de abril a junho de 2009


******************************************************


Contribuição do irmão Rogério Soares.

15 de jun de 2009

A gente já sabia!

Lendo a revista Galileu desse mês, encontrei o texto abaixo, escrito por Edward Green – diretor do projeto de pesquisa e prevenção da AIDS na escola de saúde pública de Harvard.

Ao ler o texto, podemos ver a ciência descobrindo o que nós cristãos pregamos a muitos anos: A melhor prevenção é a abstinência e a fidelidade.

Quando Bento XVI afirmou que a distribuição de camisinhas não resolveria o problema da AIDS, muitos disseram que ele estava errado. As evidências mostram ao contrário. Estudos importantes, como pesquisas demográficas e de saúde, não conseguiram encontrar uma associação entre uma maior disponibilidade ou uso de preservativos e menores taxas de infecção pelo HIV na África.

Na prática, os preservativos mostraram não ser a melhor política para conter a AIDS. As camisinhas não têm funcionado para frear a epidemia que se abate sobre o continente africano. Por mais caótico que possa soar, a melhor política para epidemias generalizadas consiste em promover a fidelidade e a monogamia. O que vemos como resultado é uma redução do número de parceiros. O que também tem funcionado e deve se promover é a circuncisão masculina, que comprovadamente reduz as chances de contágio.

Um exemplo claro é o que aconteceu em Uganda.

O país promoveu a política ABC, sigla em inglês para abstinência, fidelidade ou camisinha. A população contaminada com o HIV foi reduzida em 66%. No entanto, o governo sofreu grande pressão para seguir a linha de prevenção de outros países. Como resultado, a Uganda deixou a ênfase na redução do número de parceiros e passou a adotar a fórmula batida de preservativos + testes + remédios. Nos últimos anos, os índices de contaminação voltaram a aumentar.

O Brasil está em uma situação diferente, com uma chamada “epidemia concentrada”. Preservativos têm mais chances de sucesso em lugares assim. No entanto, ainda faltam programas que desencorajem o sexo casual ou com prostitutas e múltiplos parceiros.

De maneira geral, a imprensa foi bastante irresponsável ao criticar o papa. E não culpo o público por estar confuso. Não seria errado pensar que muitos líderes e parte da mídia que “crucificaram” o papa deveriam checar antes os dados científicos mais recentes.

Logo, logo, as provas passarão a ser tão contundentes que a maioria dos mitos sobre a AIDS serão destruídos. Assim, poderemos começar a implementar programas de prevenção com base em evidências científicas. Com ou sem a bênção do papa.

12 de jun de 2009

FELIZ DIA DOS NAMORADOS!

Um homenagem do Blog Juventude com Propósito a todos os casais!


video

Também quer deixar um recadinho para o seu amor...
Escreva lá nos comentários!!!!

9 de jun de 2009

A Cabana

"Esta história deve ser lida como se fosse uma oração, a melhor forma de oração, cheia de ternura, amor, transparência e surpresas. Se você tiver que escolher apenas um livro de ficção para ler este ano, leia A cabana." - Michael W. Smith

Essa semana, eu vou indicar a vocês a leitura do livro "A Cabana", de William P. Young.
Não é um livro "gospel", é classificado como ficção, mas confesso que fiquei impactada com a história.
Publicado nos Estados Unidos por uma editora pequena, A Cabana revelou-se um desses livros raros que, por meio do entusiasmo e da indicação dos leitores, se torna um fenômeno de público: já são quase dois milhões de exemplares vendidos.

O livro levantou muita polêmica com o fato de apresentar o encontro de um homem com a trindade, que aparece de forma física bem diferente do que estamos acostumados e alguns outros fatos também são bastante discordados por algumas pessoas, mas não podemos nos esquecer que apesar de apresentar Deus de uma maneira surpreendente, é uma obra de ficção e a intenção é mostrar que nós temos um conceito a respeito da imagem de Deus e ele é poderoso o suficiente para se mostrar a nós de formas inesperadas, de acordo com a sua vontade.

Segundo William P. Young, ele não é um livro de auto ajuda, mas “é um livro sobre seres humanos que não têm ajuda, que se encontram imóveis por alguma razão. Aí, ao encontrar Deus, são ajudados”.

O personagem principal da história se chama Mack, que durante uma viagem em um fim de semana, a filha mais nova de Mack Allen Phillips é raptada e evidências de que ela foi brutalmente assassinada são encontradas em uma cabana abandonada.
Após quatro anos vivendo em uma tristeza profunda, causada pela culpa e pela saudade da menina, Mack recebe um estranho bilhete, aparentemente escrito por Deus, convidando-o para voltar à cabana onde aconteceu a tragédia.
Apesar de desconfiado, ele vai ao local do crime em uma tarde de inverno e adentra passo a passo no cenário de seu mais terrível pesadelo. Mas o que ele encontra lá muda o seu destino para sempre.
As respostas que Mack encontra vão surpreender você e podem transformar a sua vida de forma tão profunda quanto transformou a dele.


Você vai querer partilhar este livro com todas as pessoas que ama.

5 de jun de 2009

HOJE É O DIA MUNDIAL DO MEIO AMBIENTE!

Hoje é dia de refletir o que temos feito para colaborar para uma melhora da qualidade do ambiente onde vivemos.
Todos nós já percebemos o quanto o nosso planeta está sofrendo com as agressões que nós humanos estamos provocando. Se cada um começar a se conscientizar que precisamos modificar alguns hábitos em prol do meio ambiente, as coisas começarão a melhorar.

A bíblia diz que Deus colocou o homem no mundo, não só para dominar a natureza (Gênesis 1: 26-30), mas também para guardar tudo o que Ele criou (Gênesis 2:15).

E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; domine ele sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu, sobre os animais domésticos, e sobre toda a terra, e sobre todo réptil que se arrasta sobre a terra.
Criou, pois, Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.
Então Deus os abençoou e lhes disse: Frutificai e multiplicai-vos; enchei a terra e sujeitai-a; dominai sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu e sobre todos os animais que se arrastam sobre a terra.
Disse-lhes mais: Eis que vos tenho dado todas as ervas que produzem semente, as quais se acham sobre a face de toda a terra, bem como todas as árvores em que há fruto que dê semente; ser-vos-ão para mantimento.
E a todos os animais da terra, a todas as aves do céu e a todo ser vivente que se arrasta sobre a terra, tenho dado todas as ervas verdes como mantimento. E assim foi.
Gênesis 1: 26-30

Tomou, pois, o Senhor Deus o homem, e o pôs no jardim do Édem para o lavrar e guardar.
Gênesis 2:15.

Então, vamos usar os recursos que o nosso Deus nos deixou com mais responsabilidade, pois não podemos esquecer das próximas gerações...
O que restará para eles?

Não são só as empresas que tem que ter a preocupação de serem sustentáveis, a sociedade também precisa contribuir.
Ser sustentável é suprir as necessidades da geração presente sem afetar a habilidade das gerações futuras de suprir as suas.

Então, aí vão algumas dicas do biólogo Daniel Cassiano Lima, sobre atitudes que nos levam a ser jovens sustentáveis:

* Tampe suas panelas enquanto cozinha e utilize o fogo mínimo
Ao tampar as panelas enquanto cozinha você aproveita o calor que simplesmente se perderia no ar.

* Antes de cozinhar, retire da geladeira todos os ingredientes de uma só vez

* Coma menos carne vermelha
A criação de bovinos é um dos maiores responsáveis pelo efeito estufa.

* Não troque o seu celular
Já foi tempo que celular era sinal de status. Fique com o antigo pelo menos enquanto estiver funcionando perfeitamente ou em bom estado. Se o problema é a bateria, considere o custo/benefício trocá-la e descartá-la adequadamente, encaminhando- a a
postos de coleta. Celulares utilizam de derivados de petróleo em suas peças e metais pesados em suas baterias.

* Compre um ventilador de teto
Nem sempre faz calor suficiente pra ser preciso ligar o ar condicionado.

* Use somente pilhas e baterias recarregáveis
É certo que são caras, mas ao uso em médio e longo prazo elas se pagam com muito lucro. Duram anos e podem ser recarregadas em média 1000 vezes.

* Troque suas lâmpadas incandescentes por fluorescentes
Lâmpadas fluorescentes gastam 60% menos energia que uma incandescente.
Assim, você economizará 136 quilos de gás carbônico anualmente.

* Escolha eletrodomésticos de baixo consumo energético
Procure por aparelhos com o selo do Procel (no caso de nacionais) ou
Energy Star (no caso de importados).

* Não deixe seus aparelhos em standby
Simplesmente desligue ou tire da tomada quando não estiver usando um eletrodoméstico. A função de standby de um aparelho usa cerca de 15% a 40% da energia consumida quando ele está em uso.

* Mude sua geladeira ou freezer de lugar
Ao colocá-los próximos ao fogão, eles utilizam muito mais energia para compensar o ganho de temperatura. Mantenha-os afastados pelos menos 15 cm das paredes para evitar o superaquecimento. Colocar roupas e tênis para secar atrás deles então, nem pensar!

* Descongele geladeiras e freezers antigos a cada 15 ou 20 dias
O excesso de gelo reduz a circulação de ar frio no aparelho, fazendo que gaste mais energia para compensar. Se for o caso, considere trocar de aparelho. Os novos modelos consomem até metade da energia dos modelos mais antigos.

* Use a máquina de lavar roupas só quando estiver cheia
Caso você realmente precise usá-la com metade da capacidade, selecione os modos de menor consumo de água.

* Não demore no banho

* Use menos água quente
Aquecer água consome muita energia.

* Nunca é demais lembrar: Recicle, Recicle, no trabalho e em casa.

* Utilize uma sacola para as compras
Sacolinhas plásticas descartáveis são um dos grandes inimigos do meio-ambiente. Quando for ao supermercado, leve uma sacola de feira ou suas próprias sacolinhas plásticas.

* Ande menos de carro
*Use menos o carro e mais o transporte coletivo (ônibus, metrô) ou o limpo (bicicleta ou a pé). Se você deixar o carro em casa 2 vezes por semana, deixará de emitir 700 quilos de poluentes por ano.

* Quando for trocar de carro, escolha um modelo menos poluente

*Desligue o computador
Muita gente tem o péssimo hábito de deixar o computador de casa ou da empresa ligado ininterruptamente, às vezes fazendo downloads, às vezes simplesmente por comodidade.

* Não permita que as crianças brinquem com água
Banho de mangueira, guerrinha de balões de água e toda sorte de brincadeiras com água são sem dúvida divertidas, mas passam a equivocada idéia de que a água é um recurso infinito, justamente para aqueles que mais precisam de orientação, as crianças.

* Regue as plantas à noite
Ao regar as plantas à noite ou de manhãzinha, você impede que a água se perca na evaporação, e também evita choques térmicos que podem agredir suas plantas.

* Vá de escada
Para subir até dois andares ou descer três, que tal ir de escada? Além de fazer exercício, você economiza energia elétrica dos elevadores.


*******************************************

Escrito por: Vanessa Lopes
Jovem da Comunidade Missão e Propósito

1 de jun de 2009

Mudança não. Transformação!

Autora: Jacqueline Collodo Gomes
www.vivavidacomjesus.com.br


Quando as pessoas falam sobre "mudança", eu imagino alguém que se muda para uma nova casa, mas leva os mesmos móveis e objetos, alguns antigos, quebrados, que não são jogados fora porque essa pessoa não sentiu a necessidade de se desfazer das coisas velhas.

A casa é nova, mas o conteúdo é o mesmo.
Isso se repete com as pessoas: para cumprirem suas promessas de mudança forçam-se a assumir uma postura diferente, mas não agüentam sustentá-la por muito tempo, pois elas não são assim de verdade. A sensação é a mesma que morar numa residência nova e desconhecida: estranheza e constrangimento. Ou acostumam-se, ou vivem infelizes e escondem o descontentamento.

Na infância, eu ouvia os adultos falarem que as modificações da vida se davam pelas mudanças aplicadas. Cheguei até a escrever mensagem a respeito de mudança, mas na verdade eu sentia que não era bem assim. E de fato não é. Ninguém pode tentar ser o que não é, e alcançar sucesso nessa tarefa!
Por isso eu não acredito mais em mudanças. Mudanças não existem. Transformações sim.
Nada muda. Tudo se transforma, se renova! Como a Bíblia diz em Lamentações 3:22-23: "A benignidade do Senhor jamais acaba, as suas misericórdias não têm fim; renovam-se cada manhã. Grande é a tua fidelidade."; e em 2 Coríntios 05:17: "Pelo que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo."
As pessoas crescem, amadurecem, adqüirem perspectiva e novos valores. Isso é chamado de transformação.
Crescem por aprenderem com as experiências pessoais que vivem no dia-a-dia. São moldadas pelos desafios, obstáculos e provações que enfrentam em suas vidas. Evoluem.
Não existe transformação anunciada. Ela simplesmente acontece para todos que se permitem progredir.
Podemos citar pessoas que já foram muito diferentes do que hoje são, e como isso nos faz ficar admirados, não é mesmo? Elas não se gabam de suas conquistas porque se permitiram transformar. Elas se tornaram assim, melhores; está na essência delas.
Sabendo disso, busquemos continuamente uma transformação verdadeira em todas as áreas de nossa vida. Precisamos disso para vivermos bem.