28 de dez de 2009

Entregue seu fardo

28/12/2009


Quando você está em desespero, com problemas que lhe parecem não ter solução, Deus está observando suas tentativas de sair do poço. Ele não interfere enquanto vê que você tem recursos para salvar-se das tormentas que assolam sua vida.

Quando você já fez tudo, realmente tudo que podia fazer e ainda assim a tormenta não cessa, Ele se levanta do Seu Sagrado Trono e caminha em direcção a você.
Ele sabe quando você já não pode suportar um peso que foi além da sua capacidade de suporte, um peso que faz você ter vontade de sumir do mundo.

É nesse momento que Ele abre os braços, aninha seus cansaços e toma para Si a carga insuportável.

Coloque essa certeza em seu coração e descanse.
Durma sem levar consigo as preocupações que tinha, as ansiedades com o amanhã, o temor de ficar só em meio a uma multidão que ignorará seus tropeços.
Você nunca estará só!

Quando lhe parece que tudo está perdido, é bem nessa hora que Deus recolhe os problemas e providencia a melhor solução.

Quando você já não pode fazer mais nada, deixe que Ele o faça.
As preocupações, o medo, as inseguranças e a descrença são barreiras no caminho por onde Deus estará vindo para trazer-lhe o socorro e as providências do Universo.

Não é preciso orar, pedir, suplicar ou clamar por Ele:
Ele sabe quando Sua Sagrada Acção se faz necessária.
Apenas entregue-se ao Grande Poder do Divino Pai.

Antes de dormir diga-Lhe tão somente:
"Pai, já não consigo mais carregar este fardo e o entrego a Ti".

Depois descanse...e confie...e durma em Paz.

Ele estará em ação, e os problemas já não serão seus, mas DELE.

Confie em Deus.



Autora: Silvia Schmidt

25 de dez de 2009

Feliz Natal!

Vim pra ficar na tua casa

Eu vim ao mundo, numa noite fria e eis que nasci em uma pobre manjedoura pois não havia lugar para mim na hospedaria.
Mesmo diante das circunstâncias que o mundo me ofereceu, recebi um profundo amor de Maria e José meus pais, que antes de meu nascimento prepararam tudo para a minha chegada.

O tempo foi passando e eu fui crescendo em sabedoria e humildade, e fiz a minha opção em buscar as coisas do Pai.

Em virtude desta minha escolha vieram muitas coisas boas, realizei curas, milagres, prodígios, com isso muitas pessoas mudaram de vida, se converteram, passaram a crer em Deus e suas vidas se modificaram. Mas ao aceitar os planos do Criador em minha história, apareceram as dificuldades, tribulações e sofrimentos que me levaram a morte de Cruz.

Apesar de tudo o que passei, se fosse necessário faria tudo novamente, pois o Pai jamais me abandonou, e me ensinou que o significado do amor está em dar a vida por amor ao próximo, e é perdendo que se ganha a eternidade.

E esta é minha história que se comemora a todo ano, recordando o menino que veio salvar o que estava perdido.
Você pode se tomar um Salvador de Almas, acolhendo a estas palavras e deixando que eu entre em seu coração “Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo“Ap 3,20.

“Não temas; de agora em diante serás pescador de homens” Lc 5,10.


Um Santo Natal e que Jesus abençoe você e sua família...

21 de dez de 2009

Está chegando o Natal!

" E disse-lhe: Na verdade, na verdade vos digo que daqui em diante vereis o céu aberto, e os anjos de Deus subindo e descendo sobre o Filho do homem. João 1:51 "

14 de dez de 2009

Confie...







Confie...

As coisas acontecem na hora certa.
Exatamente quando devem acontecer!

Momentos felizes, louve a Deus.
Momentos difíceis, busque a Deus.
Momentos silenciosos, adore a Deus.
Momentos dolorosos, confie em Deus.
Cada momento, agradeça a Deus.

10 de dez de 2009

Versículo do dia


Confessai, portanto, os vossos pecados uns aos outros, e orai uns pelos outros, para serdes curados. A oração de um justo pode muito em seus efeitos.
(Tiago 5:16)

3 de dez de 2009

Será que Deus te reconhecerá?

''Pensar de que lado nós estamos agora definirá nosso futuro... Vida ou morte??" A seguir será contada uma ilustração feita em um discurso...

Será que Jeová vai nos reconhecer?

Havia um pastor que criava ovelhas e que tinha muitos problemas com os lobos que lhe roubavam as ovelhas. Ele amava muito as suas ovelhas e não queria perder nem sequer uma delas!! Um dia os lobos vieram e o pastor pegou na sua espingarda e PUM...!! Matou todos os lobos que na ocasião conseguiu... depois... apontou a sua espingarda na direção de uma sombra e reparou que era um pequeno 'lobinho' escondido por detrás da vegetação e tremendo de medo... O pastor teve muita pena dele, agarrou-o e colocou-o entre o seu casaco e levou-o para casa...
Com o passar do tempo a pastor foi-se afeiçoando ao lobinho e todos os dias o levava consigo quando ia tratar das ovelhas. As ovelhas também começaram a gostar do lobinho e de dia em dia ele começou praticamente a ser considerado como uma delas... O lobinho começou a aprender a chamar as ovelhas assim como o pastor fazia. Não passou muito tempo até o lobinho crescer bastante e se tornar adulto, e nessa altura já o pastor confiava muito no seu amigo, a ponto de lhe entregar a guarda das ovelhas sempre que ele se ausentava para fazer algumas compras.
Um dia, o lobinho estava correndo os terrenos do pastor quando ouviu uma certa gritaria vinda da floresta. Correu e chegou-se aos limites da cerca para observar cheio de curiosidade e viu uma matilha de lobos aproximarem-se. Os lobos ficaram satisfeitos de o ver apesar dele não os reconhecer, e, um a um, começaram a contar ao lobinho todas as diferentes aventuras e alegrias que cada um tinha tido ao correrem por todo o lado que lhes apeteceu e fazerem tudo o que quiseram sem serem impedidos disso... Ninguém lhes dizia o que tinham de fazer! Então, convidaram-no a saltar a cerca e juntar-se a eles.O lobinho começou a pensar naquela cerca e que de fato ele não sabia o que havia depois dela... nunca lá tinha estado... Quanto mais ele ouvia mais ele pensava se de fato não estaria perdendo qualquer coisa... Não demorou mais de um minuto e ele saltou para fora e seguiu juntamente com a matilha. Durante algum tempo ele viveu com a matilha. Eles tinham bastante que comer e fazia tudo o que lhes apetecia. Estava sendo muito engraçado e ele estava satisfeito pela escolha que fizera... Mas o Inverno chegou e todos começaram a ficar famintos e muito ansiosos. Estava frio, muito frio no local onde tinham que dormir... O lobinho começou a pensar no pastor e como ele nunca o deixou passar frio nem fome. Então ele ouviu o líder da matilha anunciar que tinha chegado a ocasião deles irem roubar algumas das ovelhas do pastor para poderem sobreviver ao Inverno. O lobinho exclamou em alta voz: 'NÃO!! elas são minhas amigas!! Não lhes vamos fazer mal!!'
Mas o líder disse: 'Tu agora és um dos nossos! Tens que fazer o que nós queremos!' Começaram todos a correr em direção á propriedade do pastor. O lobinho relutantemente os seguiu. Depressa chegaram á cerca e começaram escavando por debaixo dela entrando assim na propriedade.
O pastor ouviu o choro e pedido de socorro das suas ovelhas e saiu levando a sua espingarda e começou matando os lobos... BANG!!! Ele os matou um a um o mais rápido que podia, até que ficou frente a frente com um lobo que estava mais recuado encostado á cerca... 'Espera!! Não me mates!! eu sou o lobinho que tu salvaste!! Eu sou teu amigo!! Não te lembras de mim?? Mas o pastor viu como estava suja a sua pelagem e como ele tinha o cheiro da restante matilha, então ele lhe disse:
'Não... Não te conheço. 'Apontou a sua espingarda e disparou...BANG!!! O lobinho caiu morto.'

Houve um silêncio no auditório e a seguir o orador disse: 'Irmãos! Quando chegar o Armagedom e Jesus vier para destruir este sistema... será que ele vai nos reconhecer? Ou estaremos 'sujos com o sistema de coisas?'- Hebreus 10:39, Sofonias 2:3, Mateus 24:13

(Autor Desconhecido)